Antoine Laurent Lavoisier nasceu em Paris a 26 de Agosto de 1743 tendo morrido a 8 de Maio de 1794. É considerado o fundador da Química moderna.

As suas teorias tornaram-se conhecidas através do Traité Élementaire de Chimie, publicado em 1789. Completou os trabalhos de Priestley e Cavendish, que destronaram a teoria do flogisto, interpretando correctamente calcinações, combustões e outras reacções de oxidação e lançando deste modo os fundamentos da análise orgânica quantitativa. Deu o nome ao oxigénio e ao azoto, devendo-se-lhe o conceito moderno de elemento químico. Juntamente com Laplace realizou trabalhos que estão na base da termoquímica moderna.

Foi secretário e tesoureiro da comissão nomeada em 1790 para proceder à uniformização dos pesos e medidas em França, que conduziu ao estabelecimento do sistema métrico. Fez parte de diversas comissões estaduais de agricultura, o que o tornou suspeito perante as autoridades durante a Revolução Francesa. Julgado por um tribunal revolucionário foi condenado à morte e guilhotinado em Paris.