Francis William Aston, físico experimental, nasceu em Harborne a 1 de Setembro de 1877, vindo a falecer em Cambridge a 20 de Novembro de 1945. Trabalhou com Frankland em 1898, Poynting em 1903 e J.J Thomson em 1910.

A sua larga experiência em técnicas de vácuo permitiu-lhe pôr em evidência pela primeira vez a constituição isotópica de um elemento estável por meio de análise dos raios positivos. Em 1913 conseguiu uma separação parcial de isótopos por um método de difusão.

Obteve o Prémio Nobel da Química em 1922. Deixou a obra Mass spectra and Isotopes (1942).