Néon


O néon foi descoberto em 1898 por Ramsay e Travers que suspeitavam que existia uma falha na família dos gases inertes descobertos anteriormente. Pela destilação fraccionada de ar líquido, uma mistura rica em hélio e por outro gás que foi chamado de "néon" (do grego "novo") foi obtida. Os restantes traços de oxigénio e nitrogénio foram removidos por processos químicos, e o néon foi congelado utilizando hidrogénio líquido. O hélio mantinha-se na fase gasosa a esta temperatura, e foi removido do néon sólido.

São necessárias cerca de 44 toneladas de ar líquido para se conseguir uma libra de néon. O elemento é inerte quimicamente, assim como os outros membros deste grupo.