Estanho


Artigos decorativos
Moedas
Tubos de órgãos de música
Vidro opaco, esmaltes

Aplicações

Como metal puro, o estanho é usado na construção de tubos e válvulas, no fabrico de recipientes para água destilada, cerveja e bebidas carbonatadas. Pode ainda ser usado em tanques de armazenamento de soluções químicas farmacêuticas, em electrodos de condensadores, fusíveis, munições, papel metalizado para envolver alimentos, doces ou tabaco etc. O pó de estanho é usado no fabrico destes papéis e de tintas e sprays.

A galvanoplastia é outra importante aplicação do estanho podendo ser feita a electrodeposição em torno de peças de aço, cobre, alumínio etc. As peças estanhadas têm inúmeras aplicações tais como em utensílios de cozinha, recipientes de sprays e creme para a barba, latas de tinta, componentes electrónicas, circuitos impressos, clips, pins e muitas outras. Podem também usar-se objectos estanhados para efeitos decorativos.

Os compostos de estanho mais importantes são o óxido estanico (SnO2), usado em resistências eléctricas e dieléctricos, e o óxido estanoso que se usa no fabrico de sais estanosos para galvanoplastia e como reagentes químicos. Os estanatos de chumbo, bário, cálcio e cobre são indispensáveis na manufactura de condensadores eléctricos. O fluoreto estanoso usa-se como aditivo em pastas dentífricas.

Alguns compostos orgânicos de estanho encontram aplicação como fungicidas e insecticidas para a agricultura e ainda como preservantes de madeira, têxteis e papel.