Polónio


Acção Biológica

A toxicidade do polónio deve-se quase exclusivamente ao seu isótopo Po 210, devido à sua elevada radioactividade. Quando ingerido, o polónio tende a acumular-se nos rins, no baço e no figado, causando danos irreversíveis devido à emissão de partículas alfa.