Rosto
LeChat II
 
   Descrição
  Manual
  Roteiros
  Perguntas
Inquérito

O Mocho do SoftCiências

 

Programa LeChat, versão 2.1

Inquérito aos professores sobre Concepções Alternativas em Equilíbrio Químico e o programa LE CHÂTELIER


Este inquérito pode ajudar a conhecer melhor problemas relacionados com o ensino do Equilíbrio Químico. Obrigado pela sua colaboração.

Responda a este inquérito apenas se tem ou teve contacto com o ensino do Equilíbrio Químico (10º ano ou 12º ano).


Contacto (Opcional)

Nome:
E-mail:
Local de trabalho:

A. Dados Pessoais

1. Sexo
A. Masculino
B. Feminino

2. Nacionalidade
A. Portuguesa
B. Brasileira
C. Outra

3. Idade
A. Até 29 anos.
B. 30 a 39 anos.
C. 40 a 49.
D. 50 ou mais.

4. Utilização de computadores
A. Não usa.
B. Só na óptica do utilizador (processamento de texto, etc).
C. Usa nas aulas com os alunos mas raramente.
D. Usa nas aulas com os alunos frequentemente.
E. Não sabe / não responde.

5. Já assistiu a alunos explorando o programa de computador LE CHÂTELIER?
A. Sim.
B. Não.
C. Não sabe / não responde.

6. Níveis de ensino que lecciona com mais frequência
A. 3º Ciclo
B. Secundário
C. Universitário
D. Não sabe / não responde.


B. Conceitos Alternativos em Equilíbrio Químico

Para a lista de Conceitos Alternativos (CA) em Equilíbrio Químico indique, por favor, uma letra de A a E de acordo com a seguinte escala:
A- Nunca detectei esse CA.
B- Raramente detecto esse CA.
C- Detecto com razoável frequência esse CA.
D- Detecto com muita frequência esse CA.
E- Não sabe/não responde.

7. Reacção directa e reacção inversa aumentam a sua velocidade de igual forma à medida que nos aproximamos do equilíbrio.

A  B  C  D  E

8. O equilíbrio é uma situação estática (não dinâmica).

A  B  C  D  E

9. No equilíbrio, a concentração dos reagentes é igual à concentração dos produtos da reacção.

A  B  C  D  E

10. No equilíbrio, as concentrações de produtos e reagentes variam constantemente, à medida que a reacção oscila entre produtos e reagentes.

A  B  C  D  E

11. No equilíbrio, a velocidade das reacções directa e inversa são nulas.

A  B  C  D  E

12. As duas reacções - directa e inversa - são entendidas como entidades físicas separadas.

A  B  C  D  E

13. A composição do sistema em equilíbrio é proporcional aos respectivos coeficientes estequiométricos.

A  B  C  D  E

14. Diminuímos a concentração de um reagente num sistema em equilíbrio. Tal implica uma maior concentração desse reagente quando o equilíbrio é restabelecido comparada com a concentração no primeiro estado de equilíbrio.

A  B  C  D  E

15. Uma variação de volume (ou pressão) num sistema sem componentes gasosos implica alteração do estado de equilíbrio.

A  B  C  D  E

16. Um sistema em equilíbrio que seja perturbado mantém as mesmas concentrações de cada espécie, depois de restabelecido o novo estado de equilíbrio.

A  B  C  D  E

17. Em reacções muito extensas demora muito tempo a atingir-se o estado de equilíbrio.

A  B  C  D  E

18. Um estado de equilíbrio pode alterar-se por adição de um componente do sistema no estado sólido.

A  B  C  D  E

19. O princípio de Le Châtelier tem a mesma "força" de leis físicas como as de Newton. A sua aplicabilidade é universal.

A  B  C  D  E

20. A introdução de um gás raro num sistema gasoso considerado ideal implica alteração do estado de equilíbrio para "contrariar a perturbação imposta".

A  B  C  D  E

21. A constante de equilíbrio... é sempre constante para cada reacção.

A  B  C  D  E

22. Todos os componentes, independentemente do seu estado físico, entram na definição da constante.

A  B  C  D  E

23. Quando um catalisador é adicionado ao sistema em equilíbrio as concentrações dos produtos aumentam à custa das dos reagentes.

A  B  C  D  E


C. Impacto do Programa de Computador LE CHÂTELIER

Para a lista de itens seguintes (C1) - todos respeitantes ao programa de computador - indique uma letra de A a E de acordo com a seguinte escala:
A- Excelente.
B- Bom.
C- Razoável.
D- Mau.
E- Não sabe/não responde.

Avalie o programa e/ou o seu impacto nos seguintes itens:

C1. QUESTÕES ESPECÍFICAS DO PROGRAMA

24. Gráfico concentração / tempo.

A  B  C  D  E

25. Gráfico quociente da reacção / tempo.

A  B  C  D  E

26. Gráfico velocidade R seta no sentido directo P e P seta no sentido directo R / tempo.

A  B  C  D  E

27. Visualização das moléculas como "pontinhos coloridos".

A  B  C  D  E

28. Opção "zoom de equilíbrio".

A  B  C  D  E

29. Valores termodinâmicos (escondidos e só visíveis para alunos avançados).

A  B  C  D  E

30. Modo pressões/concentrações.

A  B  C  D  E

31. Expressões de Qp, Qc e de Kc e Kp.

A  B  C  D  E

32. Páginas de retenção de informação para cada uma das sub-simulações (gravação de resultados em mini-gráficos na zona superior direita do écran).

A  B  C  D  E

33. Simulação de múltiplas reacções químicas.

A  B  C  D  E

34. Utilidade da possível introdução de novas reacções químicas.

A  B  C  D  E

35. Ligação à Internet.

A  B  C  D  E

36. Pressupostos.

A  B  C  D  E

37. Ajuda directa.

A  B  C  D  E

38. Hipertextos.

A  B  C  D  E

39. Calculadora e editor de texto.

A  B  C  D  E

40. Intervalo lúdico.

A  B  C  D  E

41. Roteiros de exploração.

A  B  C  D  E

42. Editor de roteiros de exploração.

A  B  C  D  E


Para as questões C2 e C3 use a escala de 1 não concordo a 5 concordo:

C2. OUTRAS QUESTÕES RELACIONADAS COM O PROGRAMA

43. Permite uma eficácia que uma estratégia pedagógica convencional não conseguiria.

1  2  3  4  5

44. Constitui motivação acrescida para os alunos.

1  2  3  4  5

45. Contribui para a "desmontagem" de conceitos alternativos mencionados no ponto B deste inquérito.

1  2  3  4  5

46. É aplicável com realismo aos alunos típicos dos níveis específicos a que se destina (supondo a existência de meios tecnológicos para o efeito).

1  2  3  4  5

47. Apresenta aspectos originais para um programa desta natureza.

1  2  3  4  5

48. É cuidadoso quanto ao rigor dos conteúdos que aborda.

1  2  3  4  5

49. O interface adequa-se a níveis de aprendizagem diferenciados (do 10º ano ao ensino universitário).

1  2  3  4  5

50. Os aspectos gráficos e estéticos são observados com qualidade.

1  2  3  4  5


C3. QUESTÕES DE ÂMBITO GERAL

51. O programa introduz-se a si mesmo (quem nele entra percebe os seus objectivos, como manipulá-lo e ajudas para o fazer).

1  2  3  4  5

52. O utilizador não fica nunca com a sensação de que não sabe o que deve fazer (são de alguma forma claros os procedimentos possíveis a empreender).

1  2  3  4  5

53. As fórmulas químicas estão claras e correctas.

1  2  3  4  5

54. Os cálculos realizados no âmbito da simulação são correctos e coerentes com a realidade.

1  2  3  4  5

55. É possível e claro em cada instante sair do programa.

1  2  3  4  5


56. No espaço que se segue exprima livremente a sua opinião, se assim o entender:

a. Em relação a alguma resposta que deu e queira justificar

b. Em relação ao assunto "Equilíbrio Químico"

c. Em relação ao próprio inquérito

d. Outras observações


Obrigado

Topo
Rosto